A importância do dessecante (sílica) para os discos de antibiograma

A importância do dessecante (sílica) para os discos de antibiograma

Discos para Antibiograma

O antibiograma é um teste laboratorial de suma importância, que tem por finalidade determinar a sensibilidade de microrganismos patogênicos frente a antibacterianos. O teste de suscetibilidade a antimicrobianos representa um dos testes de maior importância clínica realizados pelo laboratório de microbiologia. Dentre as técnicas descritas para a realização do antibiograma, a metodologia de Kirby e Bauer (disco-difusão) é a mais difundida e usada na rotina clínica microbiológica pelos seguintes motivos: praticidade de execução, baixo custo, confiabilidade dos resultados, ausência da necessidade de equipamentos especiais e por ser uma técnica extremamente flexível; com uma grande variedade de antibióticos e concentrações disponíveis.

 

Existem diversas variáveis que podem afetar o teste disco-difusão, como, por exemplo: as características do meio de cultura (íons, pH, espessura); a concentração do inóculo, as condições de incubação e a qualidade dos discos. Por isso, recomenda-se a realização de um rígido controle de qualidade, afim de garantir um bom resultado dos testes.

 

No que diz respeito a qualidade dos discos, seu armazenamento deve ser de acordo com as especificações do fabricante (temperatura normalmente abaixo de 8ºC, por exemplo) e em condições que previnam sua umidade, pois esta é a maior causa da degradação dos antibióticos. Dessa forma, a embalagem dos discos deve ser um recipiente hermeticamente fechado ou um frasco de rolha de borracha com dessecante (sílica).

 

A Sílica Gel Dessecante é um composto sintético cuja principal matéria prima é o silicato de sódio. Possui propriedades higroscópicas e adsorventes, isto é, grande capacidade em desidratar o ambiente em que se encontra. É o mais poderoso agente desidratante que existe no mercado. Seu uso baseia-se na retirada de moléculas de líquidos e gases, impedindo ou retardando os processos de oxidação direta e a formação de colônias, além de combater outras derivações nocivas causadas pela umidade, como a degradação do antibiótico e, consequentemente, o resultado desastroso no antibiograma. Além disso, ela é quimicamente inerte, insolúvel em água, não corrosiva, atóxica (branca) e baixo grau de toxicidade (azul). Para inspeção visual de seu grau de saturação, é impregnada com cloreto de cobalto o que lhe confere, quando seca, uma coloração azul-intenso e, quando saturada, torna-se cor-de-rosa. Mesmo neste estado (saturada), ela mantém sua forma original e permanece seca externamente. Sua aplicação é sinônimo de preocupação com a qualidade, integridade dos produtos e respeito pelo mercado consumidor, cada vez mais exigente.

 

* EXIJA A SÍLICA – QUALIDADE PARA O SEU PRODUTO *​